Ciprofloxacino bula

Posted: anwar Date of post: 02-Feb-2019
<b>Ciprofloxacino</b>, cloridrato de Eurofarma

Ciprofloxacino, cloridrato de Eurofarma

O cloridrato de ciprofloxacino (ciprofloxacina) é um antibiótico da família das quinolonas, que é também é composto pelos antibióticos: norfloxacino, ofloxacino, levofloxacino, moxifloxacino, gatifloxacino e gemifloxacino. O ciprofloxacino é muito usado para o tratamento das infecções urinárias, diarreias bacterianas e infecções da próstata nos adultos. Já nas crianças esse medicamento é contra-indicado na grande maioria dos casos, porque estudos em animais jovens demonstraram que o medicamento favorece o surgimento de lesões nas articulações e cartilagens. Atenção: este texto não pretende ser uma bula completa do ciprofloxacino. Nosso objetivo é ser menos técnico que uma bula e mais útil aos pacientes que procuram informações sobre esse medicamento. O que faremos aqui é um resumo das informações mais relevantes da literatura médica e das diferentes bulas de ciprofloxacino disponibilizadas pelos principais fabricantes. O ciprofloxacino é uma quinolona de 2ª geração, com ações contra diversas bactérias, principalmente as gram-negativas. Entre as infecções que podem ser tratadas com a ciprofloxacino, podemos citar: Assim como acontece com a maioria dos antibióticos, a dosagem e tempo do tratamento dependem de qual infecção estamos lidando. Citrato malato de cálcio, bisglicinato de magnésio, malato dicálcio, ácido ascórbico, bisglicinato ferroso, bisglicinato de zinco, molibdato de sódio, niacinamida, bisglicinato de manganês, succinato ácido de dl-alfa-tocoferol, bisglicinato cúprico, d-pantotenato de cálcio, selenito de sódio, beta caroteno, biotina, ácido fólico, colecalciferol, piridoxina hcl, riboflavina, tiamina mononitrato, picolinato de cromo, iodeto de potássio, cianocobalamina. Aditivos: estabilizantes celulose microcristalina, croscarmelose sódica, hipromelose, etilcelulose, triacetina, estearato de magnésio, dióxido de silício e corantes dióxido de titânio, óxido de ferro vermelho e óxido de ferro amarelo.citrato malato de cálcio, bisglicinato de magnésio, malato dicálcio, malato dimagnésio, ácido ascórbico, bisglicinato de zinco, molibdato de sódio, niacinamida, bisglicinato de manganês, succinato ácido de dl-alfa-tocoferol, bisglicinato cúprico, d-pantotenato de cálcio, selenito de sódio, beta caroteno, biotina, ácido fólico, colecalciferol, piridoxina hcl, riboflavina, tiamina mononitrato, picolinato de cromo, iodeto de potássio, cianocobalamina. Aditivos: estabilizantes celulose microcristalina, croscarmelose sódica, hipromelose, etilcelulose, triacetina, estearato de magnésio, dióxido de silício e corantes dióxido de titânio, óxido de ferro vermelho, óxido de ferro amarelo e óxido de ferro marrom. Composição: Vitamina D3, Vitamina B1 (Tiamina), Vitamina B3 (Niacina), Vitamina B5 (Ac. Pantotênico), Vitamina B6 (Piridoxina), Vitamina H (Biotina), Vitamina B9 (Ácido Fólico), Vitamina B12 (Cianocobalamina), Colina (Bitartarato), Zinco (Bisglicinato), Cobre (Bisglicinato), Selênio (Metionina). L - Ácido Glutâmico L - Lisina Cloridrato Acetil Metionina L - Triptofano L - Histidina Cloridrato Hidrolisados de Órgãos e Glândulas Sódio Cobalto Magnésio Cobre Manganês Zinco Ferro Dextrano Vitamina B1 (Cloridrato de Tiamina) Vitamina B6 (Cloridrato de Piridoxina) Niacina (Ácido Nicotínico). L - Ácido Glutâmico L - Lisina Cloridrato; Acetil Metionina L - Triptofano L - Histidina Cloridrato Hidrolisados de Órgãos e Glândulas Sódio Cobalto Magnésio Cobre Manganês Zinco Ferro Dextrano Vitamina B1 (Cloridrato de Tiamina) Vitamina B6 ( Cloridrato de Piridoxina) Niacina (Ácido Nicotínico).Óleo de peixe, vitaminas e minerais: Ácidos Graxos Essenciais - Ômega 3 (DHA e EPA), Selênio, Cobre, Zinco, Ferro, Iodo, Cromo, Manganês, Molibdênio, Vitamina A, Vitamina C e E, Vitamina D, Vitamina B1 (Tiamina), Vitamina B2 (Riboflavina), Vitamina B3 (Niacina), Vitamina B5 (Ácido Pantotênico), Vitamina B6 (Piridoxina), Vitamina B7 (Biotina), Vitamina B9 (Ácido Fólico) e Vitamina B12 (Cianocobalamina).

Cloridrato de <strong>ciprofloxacino</strong>

Cloridrato de ciprofloxacino

Cada comprimido revestido de 500 mg contém: cloridrato de ciprofloxacino ............................................................... 582 mg (equivalente a 500 mg de ciprofloxacino) excipientes q.s.p. 1 comprimido revestido (celulose microcristalina, amidoglicolato de sódio, povidona, dióxido de silício coloidal, ácido esteárico, estearato de magnésio, croscarmelose sódica, hipromelose, macrogol, dióxido de titânio e polissorbato 80) Infecção generalizada (septicemia). Infecções ou risco de infecção (profilaxia) em pacientes com sistema imunológico comprometido, por exemplo, pacientes em tratamento com medicamentos que inibem as defesas imunológicas naturais do organismo ou pacientes com número reduzido de glóbulos brancos do sangue. Eliminação seletiva de bactérias do intestino durante tratamento com medicamentos que inibem o sistema imunológico do organismo. Descontaminação intestinal seletiva em pacientes sob tratamento com imunossupressores. Cloridrato de ciprofloxacino não é eficaz contra (causador da sífilis). Crianças e adolescentes entre 5 e 17 anos Para infecção aguda na fibrose cística (distúrbio hereditário que aumenta a produção e a viscosidade das secreções nos brônquios e no trato digestivo) causada por P. Têm a intenção de informar e educar, não pretendendo, de forma alguma, substituir as orientações de um profissional médico ou servir como recomendação para qualquer tipo de tratamento. Clearance de creatinina entre 31 e 60 m L/min/1,73 m2 ou em concentração de creatinina sérica entre 1,4 e 1,9 mg/100 m L. Decisões relacionadas a tratamento de pacientes com Crianças e adolescentes: dados clínicos e farmacocinéticos dão suporte ao uso de ciprofloxacino em pacientes pediátricos com fibrose cística (idade entre 5 e 17 anos) e com exacerbação pulmonar aguda associada a infecção por Pseudomonas aeruginosa, na dose oral de 20 mg/kg, duas vezes ao dia (dose máxima diária de 1.500 mg). A dose máxima diária de cloridrato de ciprofloxacino deverá ser de 1.000 mg/dia por via oral. Clearance de creatinina igual ou menor que 30 m L/min/1,73 m2 ou em concentração de creatinina sérica igual ou maior que 2,0 mg/100 m L. A dose máxima diária de cloridrato de ciprofloxacino deverá ser de 500 mg/dia por via oral. Insuficiência renal hemodiálise: nos dias de diálise, após a mesma, praticar a dosagem conforme o item 1.2. Insuficiência renal CAPD: administrar ciprofloxacino comprimidos (por via oral): 1 comprimido de 500 mg ou 2 comprimidos de 250 mg. Insuficiência hepática: não é necessário ajuste de dose. Em casos de função renal e hepática alteradas: o ajuste de dose deve ser feito de acordo com os itens 1.1 e 1.2. Crianças: doses em crianças com funções renal e/ou hepática alteradas não foram estudadas.

Cipro - Anvisa
Cipro - Anvisa

Ciprofloxacino monoidratado, equivalentes a 500 mg de ciprofloxacino. Excipientes celulose. Dados da petição/notificação que altera bula. Dados das. Dez. 2018. O ciprofloxacino é um antibiótico de amplo espectro, indicado para o tratamento de vários tipos de infecções, como bronquite, sinusite.

Ciprofloxacino bula
Rating 4,4 stars - 419 reviews